skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
19 maio 2024
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

António Costa no “momento inspirador” da nova unidade da JF Almeida

Redação
Economia \ sexta-feira, outubro 20, 2023
© Direitos reservados
Primeiro-ministro esteve em Guimarães no âmbito da iniciativa “Economia, Inovação e Fábrica do Futuro”, inaugurando a nova unidade de acabamentos da empresa têxtil JF Almeida. "Sinal de confiança".

António Costa esteve esta sexta-feira em Guimarães, tendo inaugurado a nova unidade de acabamentos da empresa têxtil JF Almeida, com instalações na freguesia de Conde, que significou um investimento de sensivelmente 15 milhões de euros por parte da empresa vimaranense.

Para o primeiro-ministro “a abertura desta nova unidade de acabamentos é um momento inspirador e um sinal de confiança importante para um setor industrial que é dos mais relevantes na economia portuguesa”.

António Costa lembrou que no ano passado o setor têxtil, no qual Guimarães se destaca, “representou cerca de 7 mil milhões de euros de volume de negócios”: “representa 22% das empresas da indústria transformadora e 23% do emprego na indústria transformadora”, complementou.

Domingos Bragança aproveitou a ocasião para deixar de ideia de que é preciso acelerar o processo de transformação digital, não só na indústria, mas também na sociedade. “Ou lideramos a transformação digital ou vamos ficar para trás. A transformação digital tem que se fazer nas empresas e na sociedade em geral”, frisou o presidente da Câmara Municipal de Guimarães, lembrando a preocupação ambiental.

Por sua vez, Joaquim de Almeida Freitas, líder da JF Almeida que recebeu o primeiro-ministro nas instalações da sua empresa no âmbito da iniciativa “Economia, Inovação e Fábrica do Futuro”, promovida pelo município, sustentou que é necessário “criatividade e investimento” para vingar na indústria.

“Investimos em equipamento mais sustentável, em energias renováveis e nas pessoas”, disse, lembrando os 15 milhões de euros de investimento, que proporcionam 45 novos postos de trabalho para juntar aos mais de 750 colaboradores que a empresa já possuía.

Significa “novos produtos, novos mercados e novos desafios” para a empresa JF Almeida, atirou o empresário.  

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #73