skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
21 maio 2022
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Arquitetura, Arte e Design: 25 anos “de êxito” e perspetivas para “evoluir”

Bruno José Ferreira
Educação \ terça-feira, dezembro 07, 2021
© Direitos reservados
Garagem Avenida está na iminência de ser a casa das Artes Visuais em mais um passo sustentado da Escola de Arquitetura, Arte e Design da Universidade do Minho. Um presente para as bodas de prata.

A Escola de Arquitetura, Arte e Design (EAAD) da Universidade do Minho, sediada em Guimarães, completa esta terça-feira 25 anos de existência. As bodas de prata assinalam, no entender de Paulo Cruz, “um percurso de sucesso e êxito” de uma casa que atualmente conta com cerca de seis centenas de alunos.

Recentemente empossado como presidente da EAAD, regressando assim a um cargo que não lhe é desconhecido, ao olhar para trás Paulo Cruz vê um projeto evolutivo “de construção” em que a escola que preside foi acrescentando domínios do saber às suas bases.

“São 25 anos de construção de um projeto que começou por ser apenas restrito a arquitetura, e que entretanto se foi alargando a outros domínios. Há dez anos foi criada a Licenciatura em Design de Produto, posteriormente o Mestrado em Design de Produto e Serviços, e mais recentemente, há quatro anos, a Licenciatura em Artes Visuais”, aponta Paulo Cruz em declarações ao Jornal de Guimarães.

Para além da vertente letiva, a EAAD da Universidade do Minho deu também passos em frente na investigação com a criação de uma unidade de investigação que “tem feito o seu percurso”. Esta unidade de investigação tem nove anos de existência e é já uma unidade de excelência, possuindo “classificação máxima por parte da Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT)”.

Predicados que fazem com que Paulo Cruz olhe o passado com agrado e lance o futuro de forma positiva. “Creio que são 25 anos com marcas de um percurso de sucesso, com êxito e que nos abre perspetivas a continuar a evoluir, continuar a ter projetos cada vez mais relevantes, com implicação na qualidade de vida das pessoas e com ligação à sociedade”, refere.

Garagem Avenida: a nova casa para a Licenciatura em Artes Visuais

Esse processo evolutivo terá nos próximos tempos mais um passo em frente, com a instalação da Licenciatura em Artes Visuais a ter uma nova casa, um espaço de referência na cidade de Guimarães, o edifício Garagem Avenida, contíguo ao Teatro Jordão.

“Estará iminente a entrada em funcionamento, está prevista em dezembro a conclusão da reabilitação do edifício e isso permitirá alojar esse projeto de ensino com outras condições, num edifício feito de raiz a pensar nesse projeto”, aponta Paulo Cruz.

Uma mudança que “abre perspetivas muito interessantes de evolução nesse domínio das Artes Visuais”, pois “seguramente criará oportunidades para que posteriormente venhamos a ter pós-graduações ou mestrados nesse domínio”.

O balanço de 25 anos é de “êxito” e alavanca-se já em arquitetar o futuro com arte e design. Por agora, os 25 anos celebram-se com uma cerimónia às 18horas desta sexta-feira no Auditório Nobre da Universidade do Minho. 

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #28