skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
27 maio 2024
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Carvalho morre aos 62 anos. Levantou a Supertaça pelo Vitória em 1988

Redação
Desporto \ sábado, novembro 18, 2023
© Direitos reservados
Natural de Guimarães, cumpriu a maior parte da carreira no Vitória, clube no qual levantou o único título como jogador. Treinou ainda os juniores vitorianos, Sandinenses, Brito e CC Taipas.

Membro da equipa vitoriana que encantou o futebol luso na época 1986/87 e de uma outra que, duas épocas depois, conquistou a Supertaça, o primeiro título sénior do maior clube vimaranense, Carvalho morreu neste sábado, aos 62 anos.

Natural de Guimarães, o antigo médio defensivo formou-se no Vitória, clube pelo qual iniciou a carreira sénior, nas épocas 1979/80 e 1980/81, antes de se mudar para a Sanjoanense, de ganhar experiência de 1.ª Divisão no Salgueiros (1982/83 e 1983/84) e no Portimonense (9184 a 1986) e de regressar ao emblema da cidade natal, que viria a representar por cinco épocas consecutivas. Entre 1986 e 1991, Carvalho realizou 168 partidas oficiais pelo Vitória; uma delas foi o empate a zero com o FC Porto nas Antas, em 19 de outubro, que selou a conquista do troféu que teve a honra de levantar enquanto capitão de equipa – o Vitória vencera a primeira mão por 2-0, em Guimarães.

Carvalho jogou ainda no Paços de Ferreira, no Moreirense e no Ronfe, e iniciou a carreira de treinador nos juniores do Vitória, entre 2001 e 2004, antes de orientar Sandinenses, Brito, CC Taipas, Lousada, Ribeirão, AD Oliveirense, Tirsense, Sobrado e de novo o Taipas, o Ribeirão e o Lousada.

O funeral está marcado para as 10h00 de segunda-feira, na Igreja Paroquial de Creixomil.

 

Carvalho segura a Supertaça de 1988 com as duas mãos, rodeado pelos colegas de equipa

Carvalho segura a Supertaça de 1988 com as duas mãos, rodeado pelos colegas de equipa

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #73