skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
27 maio 2024
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

The Cinematic Orchestra atuam em Guimarães no sábado… com lotação esgotada

Redação
Cultura \ quarta-feira, outubro 25, 2023
© Direitos reservados
Espetáculo que assinala os 20 anos do disco “Man with a movie Camera”, ligado à Porto 2001 – Capital Europeia da Cultura, realiza-se no Centro Cultural Vila Flor. Bilhetes esgotaram esta quarta-feira.

De regresso a Portugal para comemorar os 20 anos do disco “Man With a Movie Camera”, criado no âmbito da Porto 2001 – Capital Europeia da Cultura, os britânicos The Cinematic Orchestra vão protagonizar o primeiro de um ciclo de três concertos em solo luso no Centro Cultural Vila Flor, perante um Grande Auditório Francisca Abreu esgotado. Os 796 bilhetes disponíveis na Bilheteira Online para o espetáculo marcado para as 21h30 de sábado, a um preço unitário de 32 euros, esgotaram na manhã desta quarta-feira.

O disco em causa foi criado por Jason Swinscoe, um dos membros dos The Cinematic Orchestra, enquanto banda sonora para “Man with a movie Camera”, um filme mudo de 1929, realizado por Dziga Vertov, que constitui um dos primeiros documentários do cinema da União Soviética e ascendeu ao estatuto de clássico, sendo considerado um dos melhores filmes de sempre por instituições como o British Film Institute.

A primeira performance desse trabalho decorreu no Coliseu do Porto, perante 3.500 pessoas, antes de o álbum ser gravado e lançado em 2003. Criada em 1999, os The Cinematic Orchestra reúnem no seu trabalho elementos de nu jazzdowntempo e música eletrónica, tendo lançado quatro álbuns de estúdio – “Motion” (1999), “Every Day” (2002), “Ma Fleur” (2007) e “To Believe” (2019) –, e ainda dois álbuns de bandas sonoras – o agora revisitado “Man with a Movie Camera” (2003) e “The Crimson Wing: Mystery of the Flamingos” (2009). 

O coletivo britânico atua depois no Porto, a 29 de outubro, na Casa da Música, e em Lisboa, a 30 de outubro, na Aula Magna.

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #73