skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
13 junho 2024
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Vimaranense Coltec com um dos galardões no Fashion Film Festival

Redação
Economia \ domingo, janeiro 15, 2023
© Direitos reservados
A empresa de Polvoreira viu o filme “House of Innovation” ser eleito o melhor na categoria de têxteis técnicos durante o evento que se realizou no Teatro Jordão este sábado.

Há uma marca de Guimarães entre os 11 vencedores da nona edição do Guimarães Fashion Film Festival, conhecidos este sábado no Teatro Jordão: trata-se da Coltec, empresa especializada em laminação têxtil, colagens de têxteis e revestimentos adesivos. Sediada em Polvoreira, a marca recebeu o prémio de melhor filme na categoria “Filmes de Moda em Têxteis Técnicos”, com “House of Innovation”, impondo-se a uma concorrência que incluía uma outra empresa vimaranense, a Trimalhas.

Na categoria de melhor filme nacional em têxteis-lar, havia três películas vimaranense nomeadas - Têxteis Leiper, a Têxteis Penedo, a Coton Couleur -, mas o galardão coube à Gamanatura, marca da Adalberto, empresa de Santo Tirso. O filme escolhido, “Merry Winter”, venceu também na categoria FFF Jornal T, eleito pelos leitores do Jornal T entre os 120 a concurso.

Quanto ao cinema de autor, Bruno Nacarato foi o vencedor da noite, ao ganhar o prémio de melhor filme, com “Still life”, e o de melhor fotografia, com “Waiting in the dark”. Já os três prémios que cabiam à moda de marca foram entregues a três filmes diferentes: “A secret summer story”, de Cláudia Moreno, ficou com a melhor cinematografia, Vladimiro Leopoldo foi o melhor realizador, ao apresentar “The breakfast club”, e “Resistência by Majatu.Studio” foi eleito o melhor filme.

A nível internacional, Asus e Ray-Ban foram as marcas vencedoras; a melhor fotografia coube a “Ray-Ban – You’re on“, enquanto “Worldwide VivoBook2022 – Director’s Cut”, da tecnológica Asus, foi considerado o melhor filme. Enea Colombi foi o melhor realizador, com “Franciacorta – a golden feeling”.

 

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #73