skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
19 maio 2024
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Com “desafios pela frente”, outubro é dedicado à economia em Guimarães

Bruno José Ferreira
Economia \ quarta-feira, setembro 20, 2023
© Direitos reservados
É a “desconstruir preconceitos e a construir realidades” que Domingos Bragança quer que se discuta a Fábrica do Futuro. Ministro da Economia marca presença.

O mês de outubro será dedicado à economia por parte da Câmara Municipal de Guimarães, que esta terça-feira apresentou o programa da iniciativa ‘Economia – Inovação & Fábrica do Futuro’, uma “primeira edição de um mês dedicado à economia” que Domingos Bragança espera “que seja para continuar futuramente”.

Ao todo serão desenvolvidas 25 atividades, com “diferentes temáticas” para “diferentes públicos-alvo”, conforme deu nota Marta Mota Prego, chefe da Divisão de Desenvolvimento Económico do município, indicando que o que se pretende é “pensar o panorama económico da nossa região”.

Nas várias iniciativas marcarão presença três secretários de estado (secretário de estado da economia – Pedro Cilínio, secretário de estado da digitalização e da modernização administrativa – Mário Campolargo e secretário de estado do trabalho – Miguel Fontes) e o ministro da economia, António Costa Silva.

Para Domingos Bragança, a iniciativa ‘Economia – Inovação & Fábrica do Futuro’ será um espaço “para discutir abertamente com todos a economia de Guimarães: empresários, especialistas, trabalhadores, academia, empresas; todos”, vincou.

Na ótica do líder máximo do município, “Guimarães deve orgulhar-se do passado e do presente industrial”, mas “há desafios para o futuro”. “Temos de ganhar o futuro, aprofundar a economia aumentar a competitividade nesta 4.ª revolução industrial”, disse.

Neste “antecipar da fábrica do futuro” terá lugar a inauguração do Instituto Cidade de Guimarães, o Centro de Negócios e Inovação de Guimarães e ainda a apresentação do MITH – Minho Innovation & Thecnology Hub, iniciativa de uma empresa privada – Casais – que tem já “um conjunto de grandes marcas internacionais para se instalarem aqui, ao lado da Universidade do Minho.

Veja qui o programa completo da ‘Economia – Inovação & Fábrica do Futuro’

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #73