skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
22 maio 2024
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

DESPORTO: Vitória riu por último em jogo de sucessivas reviravoltas

Redação
Desporto \ domingo, janeiro 07, 2024
© Direitos reservados
A equipa feminina do Vitória venceu pela primeira vez na Série dos Primeiros da principal liga de voleibol, em casa, perante o Leixões (3-2), num jogo de constante troca na dianteira do marcador.

A incerteza quanto à equipa vencedora permaneceu até aos derradeiros serviços, altura em que o Vitória somou cinco pontos consecutivos para derrotar o Leixões, por 3-2, em desafio da segunda jornada da Série dos Primeiros da Liga LIDL. A formação treinada por Hélder Andrade subiu assim ao quarto lugar, com sete pontos.

No Campeonato de Portugal, o Brito foi a única equipa vimaranense a triunfar. O Vitória B empatou em São João de Ver, enquanto Sandinenses e Pevidém perderam. Foi a primeira derrota dos cavaleiros de São Jorge na competição.

 

DOMINGO, 07 DE JANEIRO

Voleibol: Liga LIDL (Série dos Primeiros - jornada 02)
Vitória SC 3-2 Leixões

Os 5-0 a abrir o quarto set poderiam abrir definitivamente caminho para um triunfo por 3-1, que daria os primeiros três pontos à equipa de Hélder Andrade na série dos primeiros, mas o Leixões recuperou e frustrou esse ensejo, com três pontos seguidos para fechar o parcial por 25-23. A equipa leixonense parecia aproveitar o embalo na abertura do quinto e decisivo set, quando se colocou a vencer por 3-0, mas esse início, mais uma vez, nada quis dizer.

As jogadoras de Hélder Andrade recompuseram-se dessa quebra, encurtaram distâncias e fecharam o jogo a seu favor em grande estilo, transformando uma desvantagem de 11-10 num parcial de 15-11 que assegurou o 3-2 final. A jogar no Pavilhão Desportivo Unidade Vimaranense, a equipa preta e branca triunfou com parciais de 18-25, 25-15, 25-22, 25-23 e 11-15, espelho de um crescente equilíbrio à medida que as intervenientes iam servindo, rematando e blocando. No próximo fim de semana, o Vitória SC desloca-se ao pavilhão do FC Porto.

 

Futebol: Campeonato de Portugal (Série A - 14.ª jornada)
Brito 1-0 Mirandela
Ribeirão 2-0 Pevidém
Tirsense 1-0 Sandinenses

Num fim de semana em que apenas as equipas da casa venceram, o Brito seguiu a regra e abriu a segunda volta com um triunfo por 1-0 sobre o Mirandela, selado a meio da primeira parte. Roger marcou o golo que permite aos comandados de André Anastácio a subida ao sétimo lugar, com os mesmos 18 pontos do sexto classificado, Sandinenses. Na estreia do treinador Júnior Santos no Campeonato de Portugal, a equipa azul perdeu com o Tirsense por 1-0. Joaquín Islas marcou o tento solitário.

Já o Pevidém averbou a primeira derrota na prova, perante o Ribeirão. Stanley Awurum inaugurou o marcador aos 59 minutos e Kuku Fidelis estabeleceu o resultado final, depois de Pedrinho ter sido expulso no lado pevidense. Segunda classificada, a equipa treinada por André Brito viu o Montalegre, terceiro, e o Tirsense, quarto, aproximarem-se na tabela.

 

Futebol: Campeonato de Portugal (Série B - 14.ª jornada)
São João de Ver 0-0 Vitória

A deslocação da equipa B do Vitória ao concelho de Santa Maria da Feira, para o duelo com o São João de Ver, segundo classificado da série, terminou sem golos.

Com o empate, a equipa orientada por Tozé Mendes averbou o sexto jogo consecutivo sem triunfos e ocupa a oitava posição da tabela, com os mesmos pontos do Salgueiros, nono, e do Oliveira do Douro, 10.º, já em zona de descida. No próximo fim de semana, os vimaranenses recebem o Rebordosa.

 

SÁBADO, 06 DE JANEIRO

 

Basquetebol: Liga Betclic masculina (1.ª fase - jornada 12)
Ovarense 91-90 Vitória SC

O Vitória perdeu no arranque da segunda volta da Liga Betclic masculina de basquetebol por 91-90 frente à Ovarense, num duelo emotivo e disputado, com incerteza no resultado até ao fim. Num jogo que acabou com uma sucessão de pontos de um lado e do outro, a Ovarense foi mais feliz e derrotou o Vitória: a jogar em casa, a formação vareira beneficiou de uma falta e converteu os dois lances livres que lhe permitiram inverter a desvantagem de um ponto, selada com um triplo, instantes antes.

Esse final espelha o equilíbrio verificado desde o segundo período, após um primeiro mais vertiginoso: os pupilos de Miguel Miranda entraram melhor e descolaram no marcador até aos 19-9, mas a Ovarense reagiu de pronto e acabou o primeiro quarto na frente (29-26). As equipas depois trocaram a liderança no marcador entre si: o Vitória chegou ao intervalo a vencer por 49-46, enquanto no final do terceiro período eram os vareiros que estavam por cima (67-66).

O jogo continuou assim até à última buzina, com a Ovarense a revelar maior eficácia de lançamento (53,4% contra 43,8%), mas o Vitória a lançar mais e a concretizar mais de fora – marcou 15 dos 35 lançamentos e a Ovarense 10 em 20. Jamir Harris, da Ovarense, com 28 pontos, e Dzmitry Ryuny, do Vitória, com 26, foram os melhores marcadores.

As equipas entraram na segunda volta com os mesmos pontos, e agora a Ovarense é quinta classificada, com 19 pontos, e o Vitória sexto, com 18.

 

Voleibol: Liga Una Seguros (Série dos Primeiros - jornada 02)
Vitória SC 0-3 Benfica

O Vitória contava dar outra réplica ao campeão nacional e líder da Liga Una Seguros, até pela exibição rubricada em Lisboa, durante a primeira fase, mas perdeu pela margem máxima este sábado, num duelo que marcou o regresso ao Pavilhão Multiusos, onde há mais de 20 anos jogou, por exemplo, a Top Teams Cup, uma das competições europeias de então; a mudança de anfiteatro deveu-se à realização da Festa do Rei no Pavilhão Desportivo Unidade Vimaranense.

O duelo teve uma história até à igualdade a 17 pontos no primeiro set e uma outra completamente diferente, ultrapassada essa barreira. Nessa primeira, o conjunto de Nuno Pereira liderou quase sempre o marcador, com receções atentas, distribuição variada e certeira de Rui Bessa e ataques fortes, quer do oposto Johan Gruvaeus, dos elementos na Zona 4 ou dos centrais.

Quando o benfiquista Peter Wohlfahrtstätter passou para o serviço, o jogo mudou definitivamente: o austríaco assinou quatro pontos seguidos, lançou o conjunto de Marcel Matz para a vitória no primeiro set e para outros dois parciais muito confortáveis. Sem Manuel Figueiredo, o Vitória nunca se reencontrou e perdeu com naturalidade.

 

Futsal: Liga Placard (1.ª fase - jornada 12)
AD Fundão 14-0 CR Candoso

O ano mudou, mas o calvário do CR Candoso é o mesmo desde que a época 2023/24 se iniciou: a equipa vimaranense perdeu por 14-0 perante a AD Fundão, em duelo da 12.ª jornada da Liga Placard, de abertura da segunda volta do campeonato. 

Os comandados de Óscar Rosas perdiam por 4-0 ao intervalo e viveram uma segunda parte absolutamente tormentosa, chegando a sofrer golos no mesmo minuto. 

Última classificada da prova sem qualquer ponto, a formação de São Martinho de Candoso acumula 129 golos sofridos (!) em 12 partidas; uma média superior a 10 golos por jogo, portanto. Na próxima jornada, a equipa azul e amarela regressa a casa para defrontar o Sporting de Braga, em duelo marcado para as 17:30 de domingo, 14 de janeiro.

 

Futebol: 2.ª Divisão Nacional feminina (Fase de subida - jornada 3)
Vitória SC 0-0 Sporting B

A equipa feminina do Vitória somou o primeiro ponto na fase de apuramento de campeão da 2.ª Divisão Nacional de futebol, ao empatar sem golo na receção à equipa B do Sporting, na academia vitoriana. 

Depois do adiamento do encontro da jornada inaugural, com o Cadima, e da derrota no terreno do Sporting de Braga B, a turma de Ivo Roque é agora sétima classificada na fase de subida, com um ponto após dois jogos. 

Na próxima jornada, o Vitória desloca-se a Cascais para defrontar o Estoril Praia, em duelo marcado para sábado, 13 de janeiro.

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #73