skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
16 junho 2024
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Em feriado de reunião de andebol e monumentos, Xico vai ao Paço dos Duques

Redação
Cultura \ quarta-feira, junho 08, 2022
© Direitos reservados
Cerca de duas mil crianças de 25 clubes vão promover a modalidade em espaços de interesse cultural. O Xico Andebol leva 90 ao Paço dos Duques na manhã de sexta-feira.

O CD Xico Andebol é um dos 25 clubes associados a uma iniciativa da Federação de Andebol de Portugal (FAP) que promove a modalidade em espaços de interesse cultural e patrimonial. No Dia de Portugal, sexta-feira, o emblema escolar leva ao Paço dos Duques de Bragança 90 crianças entre os oito e os 12 anos, a partir das 09h30.

“O andebol vai sair dos pavilhões para se aproximar de vários locais emblemáticos por todo o país, numa verdadeira união entre o desporto e o nosso património cultural”, lê-se na nota publicada nas redes sociais do clube. O encontro entre desporto e cultura enquadra-se ainda na comemoração do 80.º aniversário do Xico, que se assinala a 08 de dezembro de 2022.

Intitulado “Andebol & Cultura”, o evento arrancou no passado sábado, em Praia da Vitória, na ilha açoriana da Terceira, com o Clube Biscoitos a levar 70 crianças ao Museu do Vinho. A iniciativa alastra-se a mais de duas dezenas de clubes de 11 associações regionais, terminando no centro histórico e nos museus do Pombal, com 80 crianças do NDA Pombal, a 26 de junho.

Realizada pela primeira vez em 2019, a iniciativa acolhe, neste ano, cerca de duas mil crianças. Para o presidente da FAP, esta é uma “ideia simples”, que leva “o andebol para o espaço público” e “as crianças a usufruir do património cultural”. “À semelhança de outros países europeus precisamos que o desporto vá para a rua, para as praças e jardins, sem complexos nem receios”, salienta o vimaranense Miguel Laranjeiro. “O que aqui queremos é aliar a dinâmica dos clubes de andebol à possibilidade de as crianças, para além de praticarem a modalidade, poderem visitar algo que estando perto, muitas vezes parece distante”.

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #73