skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
27 maio 2024
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Escuteiros de Guimarães estão bem após tufão forçar deslocação do Jamboree

Redação
Sociedade \ segunda-feira, agosto 07, 2023
© Direitos reservados
Face às previsões de tufão na costa oeste da Coreia do Sul, os escuteiros que participam na 25.ª edição do encontro mundial deslocaram-se para a capital, Seul, incluindo os 14 de Guimarães.

Os 14 escuteiros de Guimarães que viajaram para a Coreia do Sul, para a 25.ª edição do Jamboree, encontram-se bem quando se prevê que o local escolhido para receber o encontro mundial do movimento seja atingido pelo tufão Khanum nos próximos dias, adiantou ao Jornal de Guimarães fonte do Núcleo de Guimarães do Corpo Nacional de Escutas (CNE).

Ventos até 130 quilómetros por hora podem assolar a região de Saemangeum, província de Jeollabuk-do, na costa oeste do país asiático, razão pela qual os participantes serão deslocalizados nesta terça-feira para a capital, Seul, ficando alojados em escolas, pavilhões e espaços públicos.

A operação está a ser coordenada pelo governo da Coreia do Sul, em articulação com a organização mundial escutista, as delegações dos 155 países presentes e as respetivas embaixadas. As organizações escutistas adiantam que tudo está “calmo e tranquilo” para já, estando a ser adotado o plano de contingência e segurança, sem “qualquer situação grave de registo” para já.

Dos 14 vimaranenses na Coreia do Sul, há nove jovens e um dirigente do Agrupamento 5, de Ronfe, e os outros quatro são dirigentes a título individual. O contingente português é composto por 700 escuteiros.

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #73