skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
03 dezembro 2022
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Eurodeputados do PCP discutiram salários, pensões e habitação em Guimarães

Redação
Política \ segunda-feira, setembro 26, 2022
© Direitos reservados
João Pimenta Lopes e Sandra Pereira ouviram trabalhadores, reformados e jovens na última sexta-feira. Numa tribuna pública no Largo da Oliveira estudantes deslocados queixaram-se dos preços praticados

Os deputados do PCP no Parlamento Europeu João Pimenta Lopes e Sandra Pereira estiveram em Guimarães em contacto com trabalhadores da Vimágua, do Guimarães Shopping e Coelima. Visitaram ainda os bairros do IRHU da Emboladoura e Nossa Senhora da Conceição e participaram numa Tribuna Pública no centro do concelho dedicada ao aumento do custo de vida.

A passagem por Guimarães esteve incluída numa Jornada de Trabalho na região de Braga entre os dias 21, 22 e 23 Setembro com o lema "Ao teu lado todos os dias. A tua voz no Parlamento Europeu". João Pimenta Lopes e Sandra Pereira "cumpriram um programa com diversas visitas, encontros, reuniões e iniciativas, indo ao encontro dos trabalhadores e das populações do distrito". O aumento do custo de vida, os baixos salários e a precariedade, a degradação dos serviços públicos, com destaque para o SNS, o direito à habitação ou a defesa e promoção da produção nacional foram alguns dos temas em debate.

Na Tribuna Pública realizada no centro de Guimarães, com a participação da deputada Sandra Pereira, ouviram-se relatos sobre o aumento do custo de vida nos bens essenciais, na energia e nos preços relacionados com a habitação. "São problemas referidos pelos jovens, estudantes deslocados que, não tendo alojamento universitário, são confrontados com preços que as suas famílias não podem pagar", escrevem os comunistas em comunicado. Em resposta, a CDU acena com medidas como o aumento dos salários e das pensões ou tabelamento ou fixação de preços máximos de bens essenciais.

A deputada Sandra Pereira contactou ainda cos trabalhadores e as trabalhadoras da história empresa Coelima. "Os baixos salários, o reduzido subsídio de alimentação e o desaparecimento de categorias profissionais são alguns dos problemas mencionados. Sandra Pereira salientou a importância da subida dos salários e esclareceu que, ao contrário da propaganda, não haverá um salário mínimo europeu", lê-se.

Já João Pimenta Lopes visitou a Associação de Reformados de Guimarães e abordou as "dificuldades com que reformados e pensionistas se confrontam". A habitação também mereceu destaque no périplo da CDU pelo concelho e o eurodeputado visitou os bairros da Emboladoura e N. Sra. da Conceição. "As queixas da ausência de intervenção na manutenção e reabilitação das habitações, ao longo de largos anos, são recorrentes. Abandono dos espaços exteriores (onde a Câmara Municipal tão pouco pode enjeitar responsabilidades), degradação dos espaços comuns, avarias constantes nos elevadores (incluindo em prédios de 9 andares), infiltrações, problemas de insalubridade e infestações".

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #38