skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
01 dezembro 2021
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Expo Dubai 2020: representação portuguesa ao cargo de empresa vimaranense

Bruno José Ferreira
Cultura \ terça-feira, novembro 16, 2021
© Direitos reservados
Empresa Simbiose, do ex-vereador da cultura José Bastos, submeteu a proposta que vai representar Portugal na exposição mundial que decorre no Dubai. Será feita a ponte entre o passado e o futuro

“Mostrar o que é Portugal, as suas potencialidades e a sua história” é a missão da empresa vimaranense Simbiose, do ex-vereador da cultura José Bastos, na Expo Mundial Dubai 2020, que, devido à pandemia, apenas está a decorrer agora.

Um evento à escala planetária, a Expo Dubai assemelha-se à Expo 98, que teve lugar em Portugal em 1998. No dia 14 de janeiro, o nosso país estará em destaque, sendo assinalado o dia de Portugal. A Simbiose – Gestão Cultural submeteu uma proposta que foi selecionada para implementar o programa nesse dia, em conjunto com a empresa lisboeta Ghude.

Portugal tem um pavilhão nesta exposição e o dia 14 de janeiro será o “momento-chave” da presença no evento. “Trata-se de uma responsabilidade acrescida, mas diria que a responsabilidade esteve na base do nosso projeto e da ideia que desenvolvemos, que, após ter sido escolhida, temos de implementar”, refere José Bastos ao Jornal de Guimarães, assegurando ao mesmo tempo que é também “um privilégio” poder assumir este desafio.

No entender do gestor da empresa Simbiose, foi pensada uma “proposta que olhasse para o passado com a importância que merece e que rasgasse novos horizontes e novas direções”.

“Esta participação portuguesa é multifacetada, com um conjunto de atividades e iniciativas que culminarão com um espetáculo, ao final do dia, onde se pretende apresentar um programa cultural com diferentes momentos e diferentes formas de expressão artística, procurando transmitir aquilo que, no nosso ponto de vista, em termos culturais, é Portugal; mostrar o que é o passado de Portugal, mas também ter uma visão mais abrangente, que coloque em diálogo as raízes da tradição cultural portuguesa com as novas formas de criatividade e com as novas expressões artísticas”, refere.

Alcântara, que em árabe significa ponte, é o nome do espetáculo proposto pela Simbiose, uma vez que o objetivo é estabelecer uma ponte que una povos e culturas, tendo como base a raiz da cultura portuguesa.

Neste espetáculo marcarão presença António Chainho e Marta Pereira Costa na guitarra portuguesa, com a voz de Teresa Salgueiro. Fred, músico dos Orelha Negra, e ainda o grupo Retimbrar serão outras das atrações do dia de Portugal na Expo Dubai 2020.

Artigos relacionados

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #16