skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
25 junho 2024
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Festa São Pedro: espírito de “basílica aberta” de 29 de junho a 2 de julho

Redação
Cultura \ segunda-feira, junho 12, 2023
© Direitos reservados
Visitas, workshops, tertúlias, colóquios e outras iniciativas na celebração da Festa de São Pedro, no Toural. Irmandade reitera a necessidade de se realizarem obras e questiona a câmara.

De 29 de junho a 2 de julho a Basílica de São Pedro, no Largo do Toural, será novamente palco de celebração da Festa de São Pedro, com a Irmandade do Príncipe dos Apóstolos São Pedro a organizar várias iniciativas.

Desde eucaristias a colóquios, a visitas à basílica, passando por tertúlias, apresentação de um livro, e outros momentos de celebração “num espírito de basílica aberta”, conforme refere Padre José́ Silvino, Juiz da Irmandade e Capelão da Basílica de São Pedro.

Na mesma nota em que anuncia o programa da celebração, a irmandade reitera a necessidade de se realizarem obras neste importante património religioso situado no coração da cidade.

Os órgãos sociais da Irmandade do Príncipe dos Apóstolos São Pedro têm em curso diversos projetos, apontando como prioridade a reabilitação da torre e a iluminação exterior da Basílica de São Pedro, a substituição do sistema elétrico, a melhoraria do sistema sonoro, a preservação de madeiras, a resolução de problemas de humidade e o restauro dos altares.

“É premente reabilitar a torre da basílica, mas essa intervenção está dependente da remoção da máquina antiga do relógio da torre que é propriedade da Câmara Municipal de Guimarães. Este assunto tem-se vindo a arrastar ao longo dos anos, sendo necessário que, de uma vez por todas, a autarquia tome uma decisão quanto à retirada da máquina”, recorda o Padre José́ Silvino.

É igualmente necessária “uma intervenção nos telhados, sobretudo da nave central, e a iluminação exterior da Basílica de São Pedro que, como se sabe, está integrada umas das principais praças de Guimarães, mas não tem uma iluminação compatível com a importância da Basílica e do espaço envolvente, classificado como Património Mundial pela Unesco. A Igreja edifício e a Igreja povo fazem parte da cultura da Cidade. Guimarães precisa da Basílica de São Pedro e a Basílica precisa de Guimarães, não podendo viver de costas voltadas”, conclui.

 

FESTA DE SÃO PEDRO – BASÍLICA DE SÃO PEDRO (GUIMARÃES)

PROGRAMA

 

29 de junho (Quinta-feira) - Dia de São Pedro

10h00: Eucaristia solene presidida por D. Delfim Gomes, Bispo Auxiliar de Braga com a participação do Orfeão de Guimarães

21h00: Colóquio com Aura Miguel - Apresentação do livro "Um Longo Caminho até Lisboa - Jornadas Mundiais da Juventude". Moderação: Esser Jorge Silva (Sociólogo). Salão Nobre da Sociedade Martins Sarmento

 

30 de junho (Sexta-feira)

11h00: Workshop "A beleza com fé" com a participação de Isabel Caneja

21h30: Atuação do grupo "Jograis do Paço" (Basílica de São Pedro)

 

01 de julho (Sábado)

Basílica Aberta "VarAndaVer" - Visita aos espaços da Basílica de São Pedro - Toural

 

02 de julho (Domingo)

11h00:  Eucaristia com a participação do Grupo Effatha

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #73