skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
02 fevereiro 2023
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Guimarães pode ter uma Unidade Local de Saúde. O primeiro passo está dado

Redação
Saúde \ sábado, dezembro 10, 2022
© Direitos reservados
O objetivo é simplificar processos e garantir a prestação de cuidados de saúde primários, hospitalares e continuados, de forma integrada, à população residente no concelho.

A Direção Executiva do SNS criou um Grupo de Trabalho (GT) com a missão de elaborar o plano de negócios da futura “Unidade Local de Saúde de Guimarães, E. P. E.", cujo objetivo é qualificar a resposta do Serviço Nacional de Saúde (SNS), simplificando os processos, incrementando a articulação entre equipas de profissionais de saúde, com o foco na experiência e nos percursos entre os diferentes níveis de cuidados utilizados pelos utentes.

Normalmente, integram uma Unidade de Saúde hospitais/centros hospitalares e Agrupamentos de Centros de Saúde (ACES). Esta entidade pública garante a prestação de cuidados de saúde primários, hospitalares e continuados, de forma integrada, à população residente na respetiva área de influência.

Em missiva dirigida ao presidente da Câmara Municipal, o Diretor Executivo do SNS, Fernando Araújo, afirma que é “fundamental promover a integração das instituições que operam em Guimarães numa mesma área geográfica, aumentando a autonomia gestionária, melhorando a participação dos cidadãos, das comunidades, dos profissionais e das autarquias na definição, acompanhamento e avaliação das políticas de saúde, maximizando o acesso e a eficiência do SNS”.

O diretor executivo do SNS refere que o plano de negócios deverá incluir a análise dos impactos clínicos e financeiros desta nova forma de organização, assegurando os ganhos em saúde gerados pela integração de cuidados, pela proximidade das decisões, pelo incremento da autonomia da nova instituição, promovendo os cuidados de saúde primários como a base do sistema, fornecendo os meios e os recursos necessários para a sua missão.

Domingos Bragança "manifesta o seu total apoio à criação da Unidade Local de Saúde", diz o município em comunicado. O autarca vê na criação desta UNL, E.P.E. "uma oportunidade para melhorar a prestação de serviços de saúde no concelho de Guimarães, e em toda a região, aumentando a autonomia gestionária, qualificando respostas de saúde ao nível dos cuidados de saúde primários e cuidados de saúde hospitalares de forma integrada".

O Grupo de Trabalho será constituído pelo Presidente da Administração Regional de Saúde do Norte, I.P., Carlos Nunes, pelo Presidente do Conselho de Administração do Hospital de Guimarães, E.P.E., António Henrique Machado Capelas, pelo representante da Direção Clínica do Hospital de Guimarães, E.P.E., Pedro Cunha, pelo Diretor Executivo do ACeS Alto Ave, José́ Novais de Carvalho, e pelo Presidente do Conselho Clínico e de Saúde do ACeS Alto Ave, António Almeida Miguelote Castro.

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #43