skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
22 maio 2024
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Guimarães promete vibrar com promessas da música no Westway LAB

Redação
Cultura \ terça-feira, abril 09, 2024
© Direitos reservados
Festival está de volta para a 11.ª edição, entre quarta-feira e sábado. Os irlandeses NewDad e a portuguesa Capicua sobressaem num evento que mostra o que se criou em Candoso e se espalha pela cidade.

Palco, ao longo da última década, para a promoção da música independente, seja na experimentação e colaboração entre artistas de várias origens e estilos, seja na construção de pontes entre públicos, artistas e agentes, o Westway LAB regressa esta quarta-feira para a 11.ª edição, com um cartaz em que sobressaem Capicua, reconhecida e aclamada rapper portuguesa, fecha a noite de sexta-feira, 12 de abril, com as suas letras que suscitam reflexão social e cultural, à boleia de ritmos pulsantes, e os NewDad, banda irlandesa com vários concertos esgotados no Reino Unido e uma proposta musical aclamada, a encerrar o festival, no sábado à noite.

Pelo meio, os vimaranenses Unsafe Space Garden, com a sua estética irreverente, Júlia Mestre, Luís Severo, Bardino, Silly, Conferência Inferno, Riça e Uto completam o leque de concertos agendados para o Centro Cultural Vila Flor (CCVF), entre sexta-feira e sábado, das 21h30 às 00h30.

Antes, cinco espaços da cidade - como o Convívio, o Oub’Lá, o Ramada 1930, o Tribuna, no CAE São Mamede, e pela primeira vez o CAAA – acolhem as performances de múltiplas origens de Remna, Sónia Tropicos, Grand Sun, Debdepan, JP Coimbra, Corvo, Melquiades, Franek Warzywa & Młody Budda, e Trigaida, para as city showcases, entre as 14h30 e as 19h00.

Na quarta e na quinta-feira, entre as 22h00 e a meia-noite, o Café-Concerto Vila Flor dá palco às criações que floresceram no Centro de Criação de Candoso: as residências artísticas darão origem às atuações de Phaser e Debdepan, de Metamito e Ivan Shopov, de Vile Karimi e Haizea Huegun e da vimaranense Mafalda com a norte-americana Zoe Berman.

As Conferências PRO ativam-se ao longo dos quatro dias do evento com diversos eixos temáticos, sobressaindo a figura proeminente da indústria musical Rob Challice enquanto Keynote Internacional. 

O passe geral garante acesso a todos os concertos pelo valor de 35 euros. Os bilhetes diários, para 12 ou 13 de abril, custam 20 euros.

 

Programa da 11.ª edição do Westway LAB

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #73