skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
15 abril 2024
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Laboratório da Paisagem promove encontro de educação ambiental

Redação
Ambiente \ quarta-feira, janeiro 24, 2024
© Direitos reservados
Com 28 comunicações orais, algumas delas das cidades geminadas com Guimarães, a iniciativa centra-se na participação do cidadão no ambiente e na ciência e marca o início das comemorações dos 10 anos.

Inaugurado em 24 de junho de 2014, o Laboratório da Paisagem começa a assinalar os 10 anos de existência de quinta-feira até sábado, com o Encontro Internacional de Educação Ambiental. Apoiado pela Câmara Municipal de Guimarães, pela Universidade do Minho e pela Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, a iniciativa está subjacente ao tema “A educação ambiental na construção de comunidades sustentáveis”, sendo aberta à comunidade, a docentes, a estudantes e a investigadores.

“O evento, que marca o arranque das comemorações do 10º aniversário do Laboratório da Paisagem, visa ser um fórum aberto para a partilha, debate e cooperação internacional nos domínios da implementação de projetos, estudos, investigação e divulgação científica. Com a missão de contribuir para a melhoria da qualidade de vida das comunidades, a iniciativa representa mais um palco para explorar estratégias e soluções inovadoras no campo da educação ambiental”, frisou.

O Encontro Internacional de Educação Ambiental concentrar-se-á em quatro eixos principais, contando, para isso, com a participação de diversos oradores reconhecidos. A abertura do evento estará a cargo de Domingos Bragança, presidente da Câmara Municipal de Guimarães, e Adelina Pinto, vice-presidente do município de Guimarães e presidente do Conselho Diretivo do Laboratório da Paisagem.

Quinta-feira, 25 de janeiro, marca o primeiro dia da iniciativa, com destaque para as apresentações de Luísa Schmidt, da Universidade de Lisboa, e Margarida Correia Marques, da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, que abordarão temas relevantes como “Cidadania Ambiental: enquadramento político, predisposição social e ação cívica” e “Cidadania ambientalmente ativa e cocriação: o papel dos equipamentos de educação para a sustentabilidade”, respetivamente. Durante a tarde, Francisco Teixeira, da Agência Portuguesa do Ambiente, focará a sua intervenção na educação ambiental como laboratório de cidadania, enquanto Ronaldo Sousa, da Universidade do Minho, irá partilhar perpetivas sobre a integração da ciência cidadã e do conhecimento ecológico local para o desenvolvimento de ecossistemas mais saudáveis.

 

Eurodeputado e cidades geminadas presentes

Já na manhã de sexta-feira, 26 de janeiro, Helena Freitas, do Parque de Serralves, destacará estratégias para fomentar a sustentabilidade e o bem-estar nas cidades. Adicionalmente, representantes das cidades geminadas com Guimarães (Dijon e Tourcoing, França; Igualada, Espanha; Londrina, Brasil; e Kaiserslautern, Alemanha) darão a conhecer os seus projetos em curso e o caminho que estão a percorrer na área da sustentabilidade urbana. A tarde do segundo dia tem reservada a presença do eurodeputado João Albuquerque, que irá liderar uma iniciativa com os alunos vencedores do Eco Parlamento 2023, nomeadamente das escolas Fernando Távora, Virgínia Moura e Abel Salazar.

O último dia do Encontro Internacional de Educação Ambiental, 27 de janeiro, será dedicado à visita a diferentes pontos de Guimarães e à partilha das boas práticas ambientais.

Destacam-se, ainda, dois momentos musicais, que enriquecerão o ambiente ao longo do evento: na quinta-feira, dia 25 de janeiro, o primeiro será protagonizado pelos alunos do Colégio do Ave; já na sexta-feira, dia 26 de janeiro, será a vez de os talentosos alunos da Sociedade Musical de Guimarães subirem ao palco.

O Encontro Internacional de Educação Ambiental apresentará um total de 28 comunicações orais, incluindo as cidades geminadas, e 17 pósteres. O programa da iniciativa inclui palestras, mesas-redondas, apresentações de trabalhos científicos e pósteres, bem como uma visita ao património cultural e demonstração das boas práticas ambientais da cidade de Guimarães.

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: