skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
25 junho 2024
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Ligação Guimarães-Famalicão: Câmaras e IP estudam intervenção na EN 206

Bruno José Ferreira
Política \ quinta-feira, junho 08, 2023
© Direitos reservados
Intenção dos dois município passa por incluir ciclovia ao longo do percurso, mas a Infraestruturas de Portugal não concorda. PSD de Guimarães diz que faz sentido pensar já no BRT.

“Uma obra prometida e anunciada pelo governo há muitos anos”, segundo Ricardo Araújo, continua ainda na fase de rascunhos entre a Câmara Municipal de Guimarães, a Câmara Municipal de Famalicão e a Infraestruturas de Portugal. A intervenção na Estrada Nacional 206, que liga os dois concelhos do quadrilátero urbano, foi debatida em reunião de câmara, percebendo-se que o projeto está ainda numa fase muito embrionária.

O vereador da oposição questionou Domingos Bragança sobre este “eixo de ligação interconcelhio” que considera ser “uma das principais estradas de acesso a Guimarães”, sendo que “em 2021 o governo fazia gala que a Infraestruturas de Portugal tinha aprovado o projeto”.

Mas, o presidente da câmara explicou que há alguns aspetos que ainda não estão totalmente definidos, o que tem atrasado o processo. Do lado de Guimarães a intenção passa por intervencionar também a centralidade de Ronfe, vila atravessada pela N206, num arranjo urbanístico que vai para lá la vertente rodoviária.

Além disso, é intenção dos dois municípios – Guimarães e Famalicão – que possa ser construída uma ciclovia ao longo da via. “A Infraestruturas de Portugal não concordou com a ciclovia, porque entendem que seria condicionador para o trânsito. Fizemos algumas derivações, há zonas muito estreitas, e está num impasse”, disse Domingos Bragança.

Face a este impasse, o presidente da câmara sublinhou que os dois municípios solicitaram à Infraestruturas de Portugal a revisão do orçamento e que a obra possa ser entregue às duas autarquias, para dessa forma possam conjuntamente executar a melhor solução, quer na vertente rodoviária quer urbanística.

Na sequência da discussão, Ricardo Araújo introduziu a questão do BRT (Bus Rapid Transit), questionando se faz sentido que o projeto de requalificação possa contemplar desde já a possibilidade de ter ligação BRT entre os dois concelhos.

Domingos Bragança frisou que o que está protocolado com o governo é a ligação entre Guimarães e Braga por BRT, ligação à alta velocidade, não estando ainda em equação a ligação ao Famalicão.

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #73