skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
27 maio 2024
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Modatex: centro de formação nasce em Guimarães para um “têxtil mais forte”

Bruno José Ferreira
Economia \ sexta-feira, junho 03, 2022
© Direitos reservados
Indústria têxtil ficará “mais forte e mais distinta” com o novo centro de formação do Modatex que vai nascer em Guimarães. Protocolo foi assinado esta sexta-feira.

O município de Guimarães firmou esta sexta-feira “um complementar de vontades” com o Modatex ao assinar o protocolo de colaboração para a instalação de um polo em Guimarães deste Centro de Formação Profissional da Indústria Têxtil, Vestuário, Confeção e Lanifícios, que tem sede no Porto, delegações em Lisboa e Covilhã, bem como polos de formação em Barcelos e Vila das Aves.

Por esse motivo, “hoje é um dia feliz para o Modatex”, segundo Maria Helena Coelho, presidente do conselho de administração do Modatex, considerando a assinatura deste protocolo como um ato “importante para o setor têxtil, para Guimarães e para a região”, na medida em que vai ajudar a “criar postos de trabalho adequados às exigências do mercado”.

Domingos Bragança, presidente da Câmara Municipal de Guimarães, concordou com a importância da instalação deste centro de formação “num território com forte presença têxtil”, dando uma “resposta abrangente” a um setor ao qual no passado o futuro foi posto em causa.

A realidade é diferente e, por isso, o presidente da câmara destaca que “temos um setor têxtil altamente competitivo, com saber especializado de topo e que contribuiu muito para a economia nacional”, pelo que é necessário “manter sempre a aquisição de conhecimento”.

O líder máximo do município acredita que o centro de formação do Modatex de Guimarães vai “contribuir para que Guimarães e a região tenham uma indústria têxtil mais forte e mais distinta”, fazendo votos para que este polo “seja uma referência a nível nacional”.

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #73