skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
19 janeiro 2022
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Na cidade-berço, Paulo Ribeiro estreia peça de regresso às origens

Redação
Cultura \ segunda-feira, outubro 04, 2021
© Direitos reservados
Com “Segunda 2”, que se estreia no Centro Cultural Vila Flor, a 15 de outubro, o coreógrafo evoca “Sábado 2”, a primeira peça que criou para a sua companhia.

Há 26 anos, Paulo Ribeiro criou Sábado 2; eram “tempos em que acreditava que tudo seria possível”, já que “o mundo prometia abertura”, “a Europa consolidava um projeto comum e Portugal estava empenhado em tornar-se maior”. A 15 de outubro, pelas 19h30, o Centro Cultural Vila Flor (CCVF) acolhe a estreia de Segunda 2, uma obra para fazer o balanço do que ocorreu num “fim de semana” com “um quarto de século” que “foi belo, intenso e, sobretudo, permitiu tornar sonhos em realidade” realçou o coreógrafo, citado por um comunicado da Oficina.

Segundo o coreógrafo, Segunda 2 é a continuidade de um projeto “obrigatoriamente de autor”, alimentado pelo imperativo de se regressar a uma suposta normalidade. O início da semana é o momento propício para produzir e ir em frente, sugere. “Aprendemos todos muito com os tempos que a nível global fomos obrigados a (ultra)passar. Voltamos a projetos âncora, voltamos com vontade de fazer melhor, voltamos com a dimensão do sonho e a vontade de recuperar o tempo que ficou para trás. Voltamos com a imensa vontade de voltar a estar próximos, de celebrar a vida, de reencontrar a festa”, salienta.

Com interpretação de Ana Moreno, Catarina Keil, Margarida Belo Costa, Pedro Matias, Sara Garcia e Valter Fernandes, Segunda 2 é uma coreografia que se desafia a si própria, que se coloca no limiar da falha que será sempre uma aliada e não uma adversária, convocando a memória.

Também nas palavras do autor, "a dança continua num lugar confinado”, mas isso não impede a “mudança”. “Vamos continuar a desafiarmo-nos, a brincar, a provocar e exorcizar a falha. Vamos ser singulares e coletivos. Vamos reencontrar a festa. Vamos reencontrar o corpo. Vamos continuar a dançar”, diz.

Segunda 2 é uma coprodução d’A Oficina, do Centro Cultural de Belém, do Teatro Nacional São João, do Teatro Viriato e do Cine-Teatro Louletano. Os bilhetes para a estreia do espetáculo no CCVF podem ser adquiridos online em oficina.bol.pt ou nas bilheteiras físicas do Centro Cultural Vila Flor, Centro Internacional das Artes José de Guimarães, Casa da Memória e Loja Oficina. A informação pode ser igualmente consultada em www.aoficina.pt.

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: A Alma dos Negócios #8 - Albano Miguel Fernandes - AMF Safety Shoes