skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
18 maio 2024
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Com mais espaço para estudar, AAUM reabre em Azurém com nova cara

Redação
Ciência & Tecnologia \ segunda-feira, dezembro 19, 2022
© Direitos reservados
A requalificação da sede de Guimarães, inaugurada neste domingo, passa a deter uma sala multiusos e outra sala equipada com sofás, num espaço com capacidade para acolher mais de 100 estudantes.

A Associação Académica da Universidade do Minho (AAUM) deparava-se com uma “identificada e reivindicada falta de espaços de estudo para os estudantes da cidade de Guimarães” e avançou para a transformação da sua sede em Azurém, que teve, no domingo, o seu culminar, com a inauguração da obra de requalificação.

O edifício tem agora capacidade para mais de 100 estudantes, através de uma sala de estudo multiusos, que funciona igualmente como espaço de formações para os núcleos e as para as associações de estudantes dos diferentes cursos. A outra sala está equipada com sofás, micro-ondas e vending machines, podendo servir de espaço para almoço ou lanche. A sede garante ainda espaço de trabalho para a direção e para os funcionários, bem como um estúdio para a Rádio Universitária do Minho. No piso inferior, o Bar Académico vai funcionar de dia e de noite.

Coincidente com os 45 anos da AAUM, a cerimónia contou com o presidente da associação, Duarte Lopes, com o reitor da Universidade do Minho, Rui Vieira de Castro, com o diretor do Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ) do Norte, Vítor Dias, e com o presidente da Câmara Municipal de Guimarães, Domingos Bragança.

Duarte Lopes enalteceu que a nova cara da sede em Azurém contribui para a AAUM “crescer”, enquanto Rui Vieira de Castro classificou a intervenção de “oportuna”.

 

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #73