skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
20 julho 2024
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Oliveira do Museu de Alberto Sampaio é, agora, árvore de interesse público

Pedro C. Esteves
Ambiente \ sábado, maio 22, 2021
© Direitos reservados
Significado paisagístico e o "desenvolvimento natural e elegante" são as características destacas no despacho publicado em Diário da República datado de sexta-feira.

A oliveira situada no claustro da Igreja de Nossa Senhora da Oliveira, no Museu de Alberto Sampaio, foi "classificada como arvoredo de interesse público". A imponente oliveira (um exemplar isolado da espécie Olea europaea) tinha sido classificada pelo Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), mas só e agora foi publicado o decreto em Diário da República.

Esta oficialização destaca que o "exemplar proposto para classificação de interesse público apresenta bom estado vegetativo e sanitário" e não aparenta sinais de pouca resistência estrutural ou risco sério para a segurança de pessoas. O despacho destaca dois parâmetros de relevo: o desenho -- "apresenta um desenvolvimento natural e elegante e tronco revestido por formações escultóricas de interessante efeito visual"; e "o particular significado paisagístico" devido à morfologia invulgar do tronco e "elevado valor cénico" do contexto (como é exemplo o claustro duocentista).

"A particular importância e atributos daquele exemplar são reveladores da necessidade de cuidadosa conservação e justificam o relevante interesse público da sua classificação, relativamente à qual não se verificam quaisquer causas legais impeditivas", reitera o decreto. 

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #73