skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
19 janeiro 2022
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Outubro é tempo de roteiro pela criação artística de Guimarães

Redação
Cultura \ quarta-feira, setembro 15, 2021
© Direitos reservados
Desde a cidade até Vermil ou Lordelo, o Ronda das Artes vai mostrar os protagonistas e os espaços onde as ideias se fazem arte. Projeto é financiado pelo IMPACTA.

O Convívio, associação cultural implantada em pleno centro histórico há quase 60 anos, e a Revolve, editora de dezenas de músicos sediada em Lordelo, a 14 quilómetros do coração urbano de Guimarães, apresentam-se no mesmo plano para um roteiro que vai mostrar o tecido artístico do concelho em outubro.

Promovida pela Comunidade Artística Vimaranense e pela Astronauta, a Ronda das Artes vai mostrar os protagonistas e os locais que guardam os “segredos da criação artística” do território em quatro domingos, de 10 a 31 de outubro, lê-se no Facebook.

A primeira sessão reserva logo um périplo pelo concelho, estando previstas as visitas ao fabricantes de tintas para artistas Dartecor, em Moreira de Cónegos, ao Centro e Laboratório Artístico de Vermil e aos Espaços Criativos, em Brito, havendo tempo para o encontro com o artista plástico Rafael Oliveira e com a Astronauta.

A 17 de outubro, dia concentrado na malha urbana, os interessados podem visitar o Centro Cultural Vila Flor e a Oficina, bem como a Sala 141 e o atelier artístico da Madroa, além de fazerem uma incursão pela música, ao contactarem com Mister Roland e o estúdio Alfaiate.

O terceiro domingo reserva passagens pelo Centro para os Assuntos de Arte e Arquitetura e pela Cantina, restaurante que aí funciona, ao mesmo tempo que prevê o contacto com a produtora cinematográfica Bando à Parte, o artista Pedro Bastos, o músico Manuel de Oliveira e a promotora cultural Discos de Platão.

No último dia, a Ronda das Artes disponibiliza visitas ao São Mamede, à Associação Convívio e ao Círculo de Arte e Recreio, espaços com meio século ou mais de história, a passagem pelas editoras Elephant e Revolve, bem como os contactos com o baterista Mário Gonçalves e a artista Milu Salgado.

Apoiada pela Câmara Municipal de Guimarães, ao abrigo do IMPACTA, regulamento de apoio à criação artística, a Ronda das Artes disponibiliza inscrições a um custo 10 euros por pessoa, para cada sessão. A lotação máxima por cada Ronda das Artes está limitada a um máximo de 20 pessoas e será necessária a apresentação de teste ou certificado (válidos) à organização no início de cada percurso.

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: A Alma dos Negócios #8 - Albano Miguel Fernandes - AMF Safety Shoes