skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
15 abril 2024
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Paço dos Duques recebeu quase 389 mil visitas em 2023

Redação
Cultura \ quarta-feira, janeiro 10, 2024
© Direitos reservados
Crescimento na ordem dos 6% comparativamente com 2022, ainda que os números estejam aquém do pré-pandemia. Museu de Alberto Sampaio recebeu 86 mil visitantes.

Os principais espaços museológicos de Guimarães, nomeadamente o Paço dos Duques de Bragança e o Museu Alberto Sampaio, viram o número de visitantes crescer de forma acentuada no ano passado, de acordo com os dados disponibilizados pela entidade gestora destes espaços.

O Paço dos Duques de Bragança continua a ser o espaço maios visitado, tendo recebido no ano passado 388 873 visitantes – na sua maioria estrangeiros –, o que se traduz num crescimento de sensivelmente 6% comparativamente com 2022. Ainda assim, um número distante (menos 16%) do que em 2019, o melhor ano de sempre, ano de sempre, no período pré pandemia.

Por sua vez, o Museu de Alberto Sampaio foi o que registou uma subida mais acentuada de visitantes, ao contabilizar 86 500 entradas. Mai2 15 mil pessoas do que no ano anterior, num crescimento considerável superior a 20%. Neste caso, do Museu de Alberto Sampaio, a maior fatia de visitantes são portugueses residentes e não estrangeiros.

Por último, em 2023 o Castelo de Guimarães não esteve a funcionar na sua plenitude, pelo que apenas foram contabilizados os primeiros meses. Este monumento encerrou parcialmente a partir de 15 de maio, a entrada passou a ser livre e, por isso, não foi feita contabilidade. Até aí o castelo recebeu 91 005 visitantes.

Recorde-se que estes três monumentos, que estão sob a mesma tutela, passaram desde o início do ano a ser geridos por uma nova entidade, Museus e Monumentos de Portugal, que substituiu a Direção Geral de Cultura do Norte.

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: