skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
20 junho 2024
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Parque Campismo Penha: projeto de expansão e remodelação na fase final

Bruno José Ferreira
Política \ quinta-feira, dezembro 15, 2022
© Direitos reservados
Contrato-programa com a Turipenha levantou discussão sobre o Parque de Campismo. Oposição relembrou promessas de intervenção, câmara diz projeto de “dimensão cara” está na fase final.

O “processo antigo” de remodelação do Parque de Campismo da Penha, infraestrutura gerida pela cooperativa municipal Turipenha, está “em curso” numa “fase avançada” e a vereadora Sofia Ferreira, que é também presidente da cooperativa, conta que o projeto esteja concluído e possa ser apresentado em 2023.

Este assunto foi debatido na reunião de câmara desta quinta-feira, na sequência da discussão do contrato-programa entre a autarquia e a Turipenha, que prevê a atribuição de 80 mil euros por parte do município para a gestão deste equipamento. Ricardo Araújo relembrou, socorrendo-se de notícias da altura, que desde 1996 a câmara “decidiu ficar com a gestão do Parque de Campismo porque tinha o objetivo de fazer deste o maior parque de campismo de montanha da Europa”.

Segundo o vereador da oposição esta aposta contemplava “várias obras de reabilitação”, algo que não se cumpriu. “Francisco Teixeira, vereador da altura, e atualmente dirigente do PS, disse a gestão do Parque de Campismo da Penha revelara-se ineficaz”, disse Ricardo Araújo, avançando dez anos no tempo para pontuar que em 2006 outro vereador, desta feita Júlio Mendes, “comprometeu-se que o campismo seria renovado até 2008”. “Fez uma avaliação muita crítica até então do parque, assumindo que era preciso limpar a má imagem do parque de campismo".

"Projeto que tem uma dimensão cara, muito elevada, mas qualifica o parque e a Penha"

Perante este enquadramento, o vereador e líder da comissão concelhia do PSD questionou em que ponto está a situação do Parque de Campismo da Turipenha e o que está previsto fazer efetivamente. Sofia Ferreira começou por dizer que ao longo destes anos “o parque teve intervenções de beneficiação, não tão profundas como expectável, mas teve-as”. Foi nesse seguimento que a vereadora frisou que o projeto está na fase final. Um dos objetivos desta intervenção passa também por "permitir que o parque seja utilizado por um período de tempo mais longo durante o ano".

Domingos Bragança adiantou que visitou recentemente o parque de forma a aferir as propostas de alteração que estão a ser trabalhadas, fazendo a visita com o arquiteto Noé Diniz, “um apaixonado por este projeto e que vive a Penha com muita paixão”.

“Visitei o parque com ele no sentido de perceber a sua expansão e remodelação. É um projeto muito interessante, está a ser trabalhado pelos serviços da Câmara, nomeadamente o ambiente, e é um projeto que vale a pena implementar. É um projeto que tem uma dimensão cara, muito elevada, mas qualifica o parque e a Penha, mesmo na própria acessibilidade ao parque”, apontou o líder máximo do município.

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #73