skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
21 maio 2024
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Polo aquático: duas derrotas, duas vitórias e o apuramento ficou a um golo

Redação
Desporto \ domingo, outubro 22, 2023
© Direitos reservados
No derradeiro jogo o Vitória SC ainda partia com esperanças de seguir em frente na Challenger Cup. Precisava de vencer o Fluvial Portuense por quatro golos de margem, mas o jogo ficou 9-12.

A equipa de polo aquático do Vitória SC está fora da Challenger Cup, apesar de ter vencido o Fluvial Portuense na manhã deste domingo, no derradeiro jogo do Grupo A da competição europeia da modalidade.

Num momento exigente, em que de quinta a domingo fez quatro jogos, a equipa de Vítor Macedo começou por perder os dois primeiros jogos, frente ao campeão suíço (Kreuzlingen) e frente ao campeão esloveno (Triglav Kranj).

Ontem – sábado – os vitorianos bateram o Apoel Nicosia, do Chipre, 18-14, e dada a conjugação de resultados, com o Fluvial Portuense a vences os eslovenos, o Vitória SC chegou ao último jogo podendo seguir em frente.

A jogar em casa do adversário – esta jornada concentrada disputou-se no Porto – o Vitória SC tinha de vencer por uma margem de quatro golos. Num jogo equilibrado, mas em que dominou, a equipa de Vítor Macedo esteve praticamente sempre na frente.

Acabou por vencer 9-12, apenas por três golos, ficando a um golo do seu objetivo. Na luta pelo golo que faltava até aos derradeiros segundos, o Vitória SC ficou perto de conseguir um feito na modalidade na qual é tetracampeão nacional.

 

RESULTADOS:

1ª Jornada | Vitória SC 10–12 SC Kreuzlingen

2ª Jornada | AVK Triglav Kranj 10–8 Vitória SC

3ª Jornada | Vitória SC 18–14 APOEL Nicosia

4ª Jornada | CF Portuense 9–12 Vitória SC

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #73