skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
03 dezembro 2022
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Reunião descentralizada da Assembleia Municipal em S. Jorge de Selho

Redação
Política \ sexta-feira, outubro 07, 2022
© Direitos reservados
A discussão começou tranquila, mas terminou acesa. Mariana Silva contestou as ironias de Francisco Teixeira para justificar os atrasos de obras que já deveriam estar concluídas há anos.

Carlos Caneja Amorim afirmou que o discurso irónico de que o PSD quer uma paragem do TGV no Toural só fomenta a posição do governo em ignorar Guimarães. Por sua vez, Francisco Teixeira acha “delicioso” o discurso de Caneja Amorim e de Mariana Silva, afirmando que as posições destes em termos de mobilidade ferroviária são mero “jogo político do mais básico”.

Unanimidade recolheu a realização das reuniões descentralizadas por parte da Assembleia Municipal, salientando-se as “sustentadas intervenções do público” e a necessidade de Guimarães voltar a ter o Alfa Pendular. Mas foram os únicos pontos. O Centro de Hemodinâmica, o TGV, o bairro da Emboladoura e a “perda de voz” de Guimarães junto do poder “centralista” foram dissonantes.

Debate, moderado por António Magalhães, a ver no nosso canal no Youtube e a ouvir no Spotify.

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #38