skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
27 maio 2024
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Rui Borges viu “vinte minutos à Moreirense” depois do empate

Redação
Desporto \ domingo, dezembro 17, 2023
© Direitos reservados
Treinador dos cónegos viu pouco foco na primeira metade, num dos piores jogos até agora da sua equipa, A reta fina foi "à Moreirense".

O Moreirense FC venceu o Portimonense com um resultado folgado na tarde deste domingo, por cinco bolas a duas. Um resultado folgado, mas a realidade é que a dez minutos dos noventa os cónegos estavam empatados.

Rui Borges, técnico dos cónegos, diz que os últimos minutos foram “à Moreirense”. “Na primeira parte, mesmo a ganhar 2-0 e depois 2-1, estávamos muito em q.b., muito reativos, pouco foco no comportamento individual. Não me agradou. Chegámos ao 2-0 com qualidade própria, mas muito aquém do que queremos. Chegámos ao intervalo chateados, não fomos o Moreirense que temos sido e foi o jogo menos conseguido da nossa porta. Na segunda parte, apesar de tudo, o jogo estava controlado, um pouco adormecido de parte a parte, em que chegam ao segundo golo. Depois do 2-2 fomos Moreirense, vinte minutos à Moreirense. Uma palavra a toda a malta que entrou: fantástico. São os grandes causadores, foram a causa. Fico muito feliz com o golo do Matheus Aiás, tem jogado aos cinco e dez minutos, mas têm trabalhado muito. Muito feliz pelos últimos minutos, à Moreirense”, disse na sala de imprensa.

Na análise do jogo, apesar da satisfação pelo triunfo, o técnico lamentou o primeiro golo sofrido. “Fiquei chateado por sofrer dois golos, não gostamos, e hoje o primeiro golo deixa-me muito chateado, acho que até agora é a primeira equipa que nos marca de bola corrida com aquela facilidade e não pode, uma equipa para nos marcar tem de suar muito”.

Segue-se o Vizela na caminhada do Moreirense, um jogo especial, Rui Borges admite isso, mas quer preparar esse embate da mesma forma. “Os dérbis são diferentes, o termo dérbi implica jogos diferentes. Ponto final. Mas, para mim é apenas mais um jogo, focar só no Vizela, acho que pode ter mudança de treinador, mais uma dor de cabeça para mim”.

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #73