skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
13 julho 2024
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Vitória SC tem novo homem do leme: Rui Borges confirmado até 2026

Redação
Desporto \ terça-feira, maio 28, 2024
© Direitos reservados
Depois de uma época de afirmação no Moreirense, em que contribuiu para o recorde pontual dos cónegos, técnico transmontano assina por dois anos com os vitorianos.

O que estava praticamente certo é agora oficial: Rui Borges é o novo treinador do Vitória SC, com um contrato válido até ao final da época 2025/26, anunciou o emblema vitoriano nesta terça-feira, através de um vídeo publicado nas suas páginas nas redes sociais.

O técnico transmontano de 42 anos continua assim a trabalhar no concelho de Guimarães, onde, na época 2022/23, se distinguiu ao serviço do Moreirense FC; o timoneiro liderou uma equipa que alcançou o sexto lugar, a melhor classificação da história cónega, em paridade com a temporada 2018/19, e a melhor pontuação de sempre em 13 épocas no escalão maior: 55 pontos, fruto de 16 triunfos, sete empates e 11 derrotas.

Equilibrada ao longo do campeonato, a formação de Moreira de Cónegos distinguiu-se ainda pelas 16 jornadas sem golos sofridos, número apenas igualado pelo campeão Sporting e pelo vice-campeão Benfica.

Na antecâmara da segunda época como timoneiro no escalão maior, Rui Borges está prestes a estrear-se nas competições europeias; a partir de 25 de julho, o Vitória SC disputa de novo a Liga Conferência Europa, a partir da segunda pré-eliminatória.

Vinculado ao futebol desde tenra idade, ao cumprir praticamente toda a formação como jogador no SC Mirandela, emblema da cidade natal, Rui Borges jogou como médio durante 17 temporadas, em emblemas como Paredes, Moreirense, Famalicão, Freamunde e Bragança, antes de regressar ao Mirandela para terminar a carreira de futebolista, em 2016/17, e iniciar a de treinador, em 2017/18.

Depois de época e meia no emblema da sua cidade, Rui Borges rumou à Segunda Liga para treinar o Académico de Viseu e por lá se manteve para orientar Académica, Nacional e Mafra, emblema a partir do qual se projetou para a elite do futebol luso, pelas portas do Moreirense.

A equipa técnica de Rui Borges é composta pelos seguintes elementos: Tiago Aguiar, Ricardo Chaves, Fernando Alves, José Pedro, Rui Cunha, Douglas Jesus e Nuno Madureira.

 

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #73