skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
03 dezembro 2022
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Vitória SC vestiu-se de gala: presente e passado tocaram-se no centenário

Redação
Desporto \ sexta-feira, setembro 23, 2022
© Direitos reservados
N’Dinga ovacionado de pé, Pedro Barbosa emocionado. Cascavel outra vez Paulinho em Guimarães numa noite de gala no multiusos. Divulgado onze do centenário.

No mesmo espaço juntou-se o presente e passado. Juntou-se oi Vitória SC. O Pavilhão Multiusos de Guimarães foi o palco para a Gala Conquistadores Centenário, momento alto das comemorações dos cem anos do clube, numa longa noite que contou com diversos momentos artísticos e de enorme nostalgia.

Não havia relvado, mas, tal como há mais de 25 anos, N’Dinga foi ovacionado de pé em Guimarães. O jogador com mais jogos com a camisola do Vitória SC faz parte do onze do centenário, anunciado durante a gala apresentada por Catarina Furtado, sendo que também Paulinho Cascavel voltou a ser celebrado como se de um golo se tratasse, perante a emoção de Pedro Barbosa, outros dos elementos do onze.

Milhares de vitorianos vibraram com estes e outros momentos, à exceção de Pedro Abrunhosa promovidos por artistas vimaranenses, como o hino da cidade de Guimarães cantado por Sofia Escobar.

Antes da gala propriamente dita, os associados que completaram cinquenta e 25 anos de filiação ininterrupta no clube receberam os respetivos emblemas de ouro e de prata.

A gala do centenário ficou ainda marcada pelos apupos a Pedro Proença, frisado por Domingos Bragança no seu discurso, e ainda ao secretário de estado do desporto João Paulo Correia, este último durante o seu discurso.    

O onze do Centenário:

Vídeos Jornal de Guimarães nesta ligação

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #38