skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
03 dezembro 2022
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

ASMAV convoca 20 atores para quatro dias a interpretar Pirandello

Redação
Cultura \ segunda-feira, novembro 21, 2022
© Direitos reservados
De 23 a 26 de novembro, o salão nobre da associação recebe Os Gigantes da Montanha, obra do dramaturgo italiano que foi Prémio Nobel da Literatura em 1934, com encenação de Moncho Rodríguez.

O trabalho que até agora reuniu 20 atores e mais de uma dezena de pessoas para o apoio técnico, desde Narciso Fernandes, a cargo da música e iluminação, a Fernanda Machado, que trata das reservas de bilhetes, promete fazer-se teatro a partir das 21h30 de 23 de novembro, quando se apresentar pela primeira vez: Os Gigantes da Montanha, obra de Luigi Pirandello com adaptação de texto, dramaturgia e encenação de Moncho Rodríguez é a mais recente proposta da Associação de Socorros Mútuos Artística Vimaranense (ASMAV).

De acordo com a associação sediada na rua Gil Vicente, a peça em exibição até 26 de novembro, todos os dias, a partir das 21h30, tenciona “provocar reflexões sobre a arte, o teatro e a sua função social diante de um universo de espectadores distantes, passivos e cada dia mais indiferentes, resultado da ausência de uma educação sensível, criativa, humana e artística”.

A ASMAV crê ainda que a obra se pode assumir como “denúncia corajosa que expõe o distanciamento do espectador e do ator, do teatro como objeto artístico”. “Num mundo de supérfluos, onde tudo tende a banalizar-se, a arte perde significado e sentido e é confundida e substituída pelo entretenimento mais vulgar”, lê-se na nota relativa ao espetáculo.

A encenação de Moncho Rodríguez, diretor artístico das duas versões de A Grande Serpente exibidas em 1994 e em 2002, na antiga fábrica Âncora, em Couros, provém de Pirandello, autor italiano que foi Nobel da Literatura em 1934, dois anos da sua morte, quando a peça Os gigantes da montanha estava ainda por concluir.

Entre os atores, contam-se nomes que participaram em A Grande Serpente, como Francisco Leite Silva e Joana Ji Antunes. Cada espetáculo tem uma lotação máxima de 100 espetadores, mediante a aquisição de bilhete a custo unitário de cinco euros. Os ingressos podem ser adquiridos na ASMAV ou na loja Bazar Moderno, na rua da Rainha.

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #38