skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
24 maio 2024
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Jota Silva: “Ainda estou a perceber o que aconteceu e a viver o momento”

Redação
Desporto \ sexta-feira, março 15, 2024
© Direitos reservados
Pela primeira vez convocado para a seleção portuguesa, o vitoriano de 24 anos agradece o “trabalho de muita gente” e diz que possível estreia no D. Afonso Henriques seria “cereja no topo do bolo”.

Protagonista de um Vitória SC em alta no campeonato, Jota Silva só quer “desfrutar do momento” quando ainda lhe custa assimilar o que aconteceu esta sexta-feira: a subida a pulso pelos escalões do futebol a partir do Sousense, o seu clube de formação, culminou na chamada à seleção portuguesa para os encontros particulares com a Suécia, de 21 de março, e com a Eslovénia, de 26 de março.

“Ainda estou a perceber o que aconteceu e a viver o momento. Vou desfrutar e tentar aprender o máximo com todos eles. São jogadores de grande nível e com muitas conquistas nas respetivas carreiras. Sei que me vão ensinar muitas coisas. Vou com o intuito de aprender, de desfrutar e de poder defender bem o meu país”, refere, em declarações publicadas pelo Vitória SC.

Grato pelo “trabalho de muita gente” no seu percurso como futebolista, Jota Silva atribui a chamada de Roberto Martínez à “campanha fantástica” do Vitória no presente campeonato, com “vários jogadores a fazer uma boa época”, e assumiu ser “um orgulho defender as cores” de Portugal. “Ainda estou a sentir tudo isto. É uma coisa que ambicionava há muito. É um orgulho poder defender as cores do nosso país, mas é como eu digo: agora estou focado no jogo de domingo e depois vou desfrutar desta aventura, que tenho a certeza que vai ser uma coisa muito boa”, reforça.

Também grato à família e à namorada, o atacante disse sentir “algum nervosismo e alguma ansiedade” às portas de entrar numa equipa e grupo fantásticos, com “muita qualidade”. “É difícil entrar num grupo destes, mas estar convocado é ótimo porque quero sempre estar entre os melhores. Quero desfrutar do momento”, realça.

A estreia com a camisola das quinas pode acontecer precisamente no estádio a que tem chamado casa ao longo das quase últimas duas épocas; o jogo com a Suécia realiza-se no Estádio D. Afonso Henriques. “Se a minha estreia pela Seleção Nacional se concretizar no Estádio D. Afonso Henriques é a cereja no topo do bolo. Não podia pedir um sítio melhor para me estrear, caso aconteça. Agora quero desfrutar do jogo de domingo [pelo Vitória SC frente ao GD Chaves] e depois desfrutar deste momento”, reitera.

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #73