skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
24 maio 2024
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Vitória recorda Paquito, um jogador “desconcertante para os defesas”

Redação
Desporto \ terça-feira, dezembro 12, 2023
© Direitos reservados
O emblema de Guimarães lamenta profundamente a morte do antigo médio ofensivo de 63 anos, que vestiu de preto e branco entre 1982 e 1985, tendo-se distinguido pela habilidade técnica.

Paquito era um jogador “desconcertante para os defesas e com uma habilidade técnica que o tornou decisivo frente à baliza”, assinala o Vitória SC, numa nota de pesar relativa ao antigo médio ofensivo de 63 anos, que morreu nesta terça-feira, vítima de doença prolongada.

“O Vitória Sport Clube lamenta profundamente o falecimento de Francisco José da Costa Saura, mais conhecido por Paquito, aos 63 anos, vítima de doença prolongada. Natural de Vila do Conde, chegou a Guimarães em 1982 e, ao longo de três épocas desportivas, participou em 97 encontros e marcou 15 golos”, realçam os vitorianos em nota publicada no sítio oficial.

Contratado ao Rio Ave na transição para a época 1982/83, Paquito contribuiu para o quarto lugar vitoriano nesse campeonato e para o consequente regresso do clube às lides europeias, que viria a consumar-se na temporada 1983/84, em eliminatória contra o Aston Villa, o Vitória treinado pelo austríaco Herman Stessl venceu em casa por 1-0, mas perdeu em Birmingham por 5-0.

“Na mesma época, o Vitória SC chegou às meias finais da Taça de Portugal. Na época seguinte, a última ao serviço do emblema vitoriano, alinhou em todos os 34 jogos da temporada. Depois de 97 jogos ao serviço do Vitória SC, o clube que mais representou na carreira, Paquito tornou-se num ídolo em Guimarães”, acrescenta o clube da cidade-berço.

O funeral realiza-se às 15h30 de quarta-feira, dia na Igreja Matriz de Vila do Conde. “À família e amigos, neste momento de profunda tristeza, o Vitória Sport Clube presta solidariedade e endereça sentidos pêsames”, conclui a nota.

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #73