skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
14 junho 2024
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

PSP na tomada de posse: mandato do PS “ainda mais reforçado” em Fermentões

Bruno José Ferreira
Política \ sexta-feira, outubro 15, 2021
© Direitos reservados
Presidente da Junta de Freguesia de Fermentões comenta o caso que teve intervenção policial na sua tomada de posse. “Acho que o meu mandato fica ainda mais reforçado”, diz António Vilela.

A cerimónia de instalação dos membros da assembleia de freguesia de Fermentões não foi pacífica, tal como o Jornal de Guimarães deu conta. Problemas referentes à lotação da sala onde se realizou a cerimónia, o Salão Nobre da Junta de Freguesia, levaram a que a PSP de Guimarães fosse chamada ao local.

Na rede social Facebook o candidato pela Coligação Juntos por Guimarães, David Ribeiro, queixou-se daquilo que considerou ser “vergonhoso”, referindo que a sua família apenas teve acesso ao local com a presença da polícia.

Em declarações ao Jornal de Guimarães, António Vilela, presidente da Junta de Freguesia que tomou posse, referiu que foi o presidente de assembleia a acionar as autoridades. “Não nos estávamos a sentir seguros, porque as pessoas cá em baixo estavam a tratar mal as pessoas e quase a agredir. O que se faz numa situação destas? Chama-se a polícia”, explica.

De resto, segundo o candidato socialista, agora presidente, a PSP acabou por não ter qualquer intervenção, uma vez que os ânimos acabaram por serenar antes da sua chegada. “As pessoas que deveriam ter entrado entraram e não se passou mais nada. Não temos culpa que a nossa sala tenha uma capacidade para 45 ou 46 pessoas e estavam lá cem pessoas para entrar. Era impossível dado o que ainda estamos a viver, ainda temos de ter algum cuidado”, aponta.

No entender do presidente da Junta de Fermentões, o seu mandato “fica ainda mais reforçado” após este episódio. “As pessoas não sabem estar, têm mau perder, acho que o meu mandato fica ainda mais reforçado”, refere António Vilela.

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #73