skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
22 maio 2024
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

IDEGUI faz 10 anos. E debate-os com câmara, universidade e empresas

Redação
Ciência & Tecnologia \ terça-feira, dezembro 06, 2022
© Direitos reservados
Iniciativa acolhe na quarta-feira presidente da Câmara, reitor da UMinho e o presidente da CCDR-N, António Cunha, para se falar do conhecimento ali criado e da relação com empresas na primeira década.

O Instituto de Design de Guimarães (IDEGUI) vai refletir sobre a primeira década num debate marcado para as 17h30 de quarta-feira, com o debate IDEGUI 10+10, que se propõe a “refletir sobre os primeiros 10 anos da instituição e a ponderar o presente e o seu futuro”, lê-se na nota da Câmara Municipal de Guimarães, enviada às redações na segunda-feira.

A sessão vai contar com António Cunha, presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte e, à data de criação do IDEGUI, reitor da Universidade do Minho (UMinho), Rui Vieira de Castro, o agora reitor da UMinho, Domingos Brangança, presidente da Câmara, Paulo Coelho Lima, diretor executivo da têxtil Lameirinho e membro do Conselho Geral do IDEGUI, e Tânia Braga, ex-aluna da licenciatura em Design de Produto.

O debate será moderado pelo Professor Paulo Cruz, Presidente do Instituto de Design e da Escola de Arquitetura, Arte e Design, e que integrou a Comissão Instaladora Pró-Curso em Design do Produto, de que foi diretor entre 2013 e 2018.

Constituído em 2012 como uma associação sem fins lucrativos e de natureza privada, o IDEGUI - Instituto de Design de Guimarães - Associação para a Regeneração Económica, teve como promotores o Município de Guimarães e a Universidade do Minho.

Com a sua criação, pretendia-se enfatizar as ligações entre o Design, a Arquitetura e a Engenharia e tornar possível uma articulação entre criatividade e tecnologia, estimulando um ambiente de inovação, afirmando-o como uma plataforma para o desenvolvimento do conhecimento, colaboração e experimentação no domínio do Design, refere a autarquia na sua nota.

Desde a sua génese o IDEGUI procurou servir as empresas, dotando-as de capacidade diferenciadora e valorizando os seus produtos industriais com incorporação de design, constituindo um parceiro de relevo na modernização e competitividade do tecido produtivo, acrescenta o município.

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #73