skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
15 abril 2024
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Reunião do ACES Alto Ave analisou a saúde na região

Redação
Saúde \ segunda-feira, julho 10, 2023
© Direitos reservados
Encontro teve lugar na Câmara Municipal de Guimarães, abordando temáticas importantes para os 271 mil utentes dos concelhos de Guimarães, Vizela, Fafe, Cabeceiras de Basto e Mondim de Basto.

A reunião do Conselho da Comunidade do ACES do Alto Ave que decorreu na passada sexta-feira, 7 de julho, no Salão Nobre da Câmara Municipal de Guimarães, tendo sido um momento de reflexão e de análise, que teve como base os dados estatísticos e as experiências no atendimento dos utentes nos 5 concelhos que a compõem: Guimarães, Vizela, Fafe, Cabeceiras de Basto e Mondim de Basto.

Na reunião, além de um conjunto de profissionais de saúde ligados ao Agrupamento dos Centros de Saúde, com responsabilidades ao nível da direção, conselho clínico e de saúde e conselho da comunidade, participaram Domingos Bragança, presidente da Câmara, Adelina Pinto, vice-presidente, e Pedro Cunha, diretor do Serviço de Urgência do Hospital Senhora da Oliveira.

Domingos Bragança, presidente da Câmara, considerou a reunião “muito profícua” e um momento importante de avaliação, agradecendo o esforço de todos os profissionais de saúde do ACES do Alto Ave e do Hospital Senhora da Oliveira pelo trabalho realizado. “Quero dizer ao Dr. Novais de Carvalho e ao Dr. Pedro Cunha que estou muito agradecido pelo trabalho efetuado por todos os profissionais de saúde aquando da pandemia. Um trabalho desafiante e exigente, que serviu também para se perceber a importância da criação de parcerias, uma realidade que faz sentido para qualquer tempo. A futura Unidade Local de Saúde é um exemplo da necessidade dessas parcerias. O trabalho que foi feito vai ter que continuar”, frisou o edil. Para Domingos Bragança, a comunidade, educativa e desportiva, “é fundamental” para os bons indicadores na saúde.

José Novais de Carvalho, diretor executivo do ACES do Alto Ave, fez um balanço dos últimos quatro anos de atividade, com particular incidência para o período em que os serviços se depararam com a crise pandémica provocada pela COVID-19, enaltecendo a resiliência e empenho, bem como o poder de adaptação de todos os profissionais de saúde que se envolveram num trabalho verdadeiramente solidário e fundamental para a saúde pública. Novais de Carvalho agradeceu ainda à Câmara Municipal de Guimarães todo ao apoio recebido durante esse período. O diretor executivo do ACES Alto Ave disse ainda que “a saúde somos todos nós”, numa alusão à responsabilidade de todos para a construção de uma sociedade de saúde e bem-estar.

Pedro Cunha, diretor do HSO, na sua intervenção, lembrou o processo que esteve na génese da proposta de Plano de Negócios da futura Unidade Local de Saúde, um plano que considera fundamental para a boa governança clínica, e tendente à integração, diferenciação e capacidade de intervenção de toda a estrutura da ULS. Para Pedro Cunha, a literacia em saúde é fundamental para o futuro da saúde na região, que, após a entrada em funcionamento da ULS, englobará a unidade de cuidados primários e a unidade de cuidados hospitalares.

O ACES do Alto Ave tem 271 mil utentes inscritos, distribuídos pelos concelhos de Guimarães, Vizela, Fafe, Cabeceiras de Basto e Mondim de Basto, e presta serviços de Cuidados Continuados domiciliário de segunda-feira a domingo.

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: