skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
20 outubro 2021
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Vimaranense Paulo Novais e equipa recebem prémio de excelência científica

Redação
Ciência & Tecnologia \ terça-feira, outubro 12, 2021
© Direitos reservados
Investigador do Centro Algoritmi integra uma equipa de investigadores europeus responsáveis pelo projeto “Nego-Bot". Trabalho recebeu o Prémio IBM de Excelência Científica na PAAMS Conference.

Paulo Novais, Professor Catedrático e investigador do Centro Algoritmi, integra uma equipa de investigadores europeus responsáveis pelo projeto “Nego-Bot: Um sistema de negociação homem-robô”, cujo objetivo é estabelecer um processo de negociação e vender persuasivamente artigos, maximizando o seu preço, e com isso o lucro. Este trabalho recebeu o Prémio IBM de Excelência Científica (1º Prémio) pelo melhor trabalho de demonstração na PAAMS Conference.

"Uma equipa de investigadores da Universidade Politécnica de Valência, Universidade de Alicante e Universidade do Minho (Centro ALGORITMI da Escola de Engenharia da UMinho) recebeu o Prémio IBM de Excelência Científica (1º Prémio) pelo melhor trabalho de demonstração na 19ª Conferência Internacional sobre Aplicações Práticas de Agentes e Sistemas Multiagentes (PAAMS’21) que teve lugar na semana passada na Universidade de Salamanca em Espanha", explica um comunicado emitido pela Escola de Engenharia da Universidade do Minho.

Segundo Paulo Novais, o foco esteve “em desenvolver um processo interativo capaz de interagir com seres humanos utilizando uma câmara, microfone e altifalante, para estabelecer todos os processos de negociação sem contacto físico". Algo que ganha mais importância no contexto atual da situação pandémica.

No comunicado lê-se ainda que "os processos de validação com estudantes universitários revelaram um grande interesse e sucesso na negociação de produtos.”

Paulo Novais é Professor do Departamento de Informática e investigador no centro ALGORITMI, na Escola de Engenharia da Universidade do Minho. A sua investigação centra-se na área científica da Inteligência Artificial e dos Sistemas Inteligentes. Mais recentemente, tem-se focado em conceitos ligados a Decisão, Inteligência Ambiente, Ambientes de Vida Assistida e Análise Comportamental.

Pub

Artigos relacionados

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #13