skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
16 junho 2024
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Parabéns Unagui

Álvaro Manuel Nunes
Opinião \ quinta-feira, janeiro 25, 2024
© Direitos reservados
Constituída em ato público ocorrido na Assembleia de Guimarães, em 25 de Janeiro de 1994, a UNAGUI – Universidade do Autodidata e da Terceira Idade de Guimarães – faz 30 gloriosos anos.

Constituída em ato público ocorrido na Assembleia de Guimarães, em 25 de Janeiro de 1994, a UNAGUI – Universidade do Autodidata e da Terceira Idade de Guimarães – faz 30 gloriosos anos, que como um sopro passaram de vento em popa, integrando-se na RUTIS, associação de Rede de Universidades da da Terceira Idade/Seniores, que congrega 300 universidades da terceira idade.

De facto, após os preparativos da viagem no ano antecedente e depois da largada e partida em 1994, tendo ao leme nomes como o advogado José Leite de Oliveira e Fernando Conceição, bem como o intrépido capitão José Inácio Menezes, coadjuvados por outros tripulantes desta nau das descobertas, do conhecimento e da amizade, na qual sobressaem nomes como Luís Caldas, Maria Perpétua Campos, o engenheiro Gustavo Valência e o bioquímico Santiago Grisola, a navegação de cabotagem lançar-se-ia posteriormente aos desconhecidos mares “nunca dantes navegados”, pois, como diria Torga, “em qualquer aventura/o que importa é partir, não é chegar” …

Todavia, a despeito das tormentas, a nau da boa esperança chegaria a porto seguro, a despeito de alguns adamastores, como a recente pandemia do coronavírus e promete continuar a desvendar novos mundos e a prosseguir viagem, com nova tripulação a bordo. Com efeito, protagonizada por Jorge Extremina, J. Salgado Almeida, Hermenegildo Encarnação, Arnaldina Lopes e João Dias, uma nova aventura foi empreendida, que pretende prestigiar os nomes de antanho, em especial dos tempos iniciais, como os dos professores Conceição Campos e  Fernando Conceição, entre outros.

Aliás, ainda recentemente, a instituição comemorou o centenário de nascimento de Fernando Conceição, em cerimónia pública concorrida, realizada no auditório, que mostraria como os ares da UNAGUI são sadios e discernentes para os mais velhos, bem como sabe reconhecer mérito aos seus docentes voluntários e discentes inscritos, ligados intrinsecamente à instituição pelos seus contributos e trabalhos prestados abnegadamente.

Deste modo, ventos de saúde e capacidade de lucidez são soprados em velas de cera na comunidade da UNAGUI, quer agora quer nos momentos festivos. Foram os casos da médica centenária e obstetra Rosa Machado, a aluna mais idosa, ou outros com mais de nove décadas, como Amália Gomes Alves, que comprovam ser a velhice ativa a melhor solução para uma vida plena, de combate à solidão e de criação de laços de familiaridade e afetividade.

De facto, após cerca de duas décadas na Casa de Sarmento, no Largo do Carmo, a instituição prossegue agora nas novas e espaçosas instalações, sitas à urbanização de Margaride (Costa), no edifício onde outrora funcionava a Associação do Viajantes e Técnicos de Vendas de Guimarães, numa vivência de sociabilidade e aprendizagem mútua, que proporciona aos seus utentes uma diversidade de oferta educativa e lúdica.

Realmente, para além dos saberes proporcionados por “Viagens com Livros”, centrados na Literatura Portuguesa, a História, a Filosofia, a Antropologia, a Ciência Política, a Bioética, a História da Arte e as línguas, como o Inglês, a oferta educativa estende-se ainda a matérias como a Culinária, o Teatro e a Iniciação à Informática, bem como às Artes e Manualidades. Matérias curriculares, facultativas e voluntárias, que abarcam ainda a Saúde e Vida, a História das Religiões e Conversas com o Cristianismo, assim como a Educação Emocional, que alimentam o corpo e o espírito.

Outrossim, atividades mais lúdicas como Percussões (em bidões plásticos), o coral, a tuna, o grupo de cavaquinhos, o folclore e as danças de salão.

Com efeito, uma parafernália de opções que passam ainda pelo Reiki, as artes marciais como o Tai Chi, mas também a oferta desportiva como a ginástica e a hidroginástica, em parceria com a Tempo Livre.

Oferta pedagógica e lúdica que passa ainda pela realização de uma e gala e edição de uma revista anual, atividades turísticas, iniciativas de convívio e recreativas das mais variada índole, assim como conferências, apresentações de livros e muitas visitas de estudo, geralmente relacionadas com os conteúdos de estudo, ou intercâmbios culturais com entidades afins, como aconteceu recentemente com a congénere de Pataias.

Assim, neste 30º. aniversário, que segundo consta poderá também passar pela apresentação de um carro alegórico no cortejo da Marcha Gualteriana, em Agosto próximo, o programa comemorativo conta no decurso da manhã com uma sessão de boas vindas e  visita às instalações de D. José Cordeiro (10,30 horas),  seguida de uma missa na Igreja de S. Dâmaso (11 horas) e um almoço de convívio no restaurante Pança, em Pevidém. Entrementes, durante a tarde decorrerá uma conferência proferida por D. Jorge Ortiga, às 16 horas, no auditório da UNAGUI, imediatamente seguido de um lanche ajantarado de aniversário com animação da prata da casa. À noite, pelas 21 horas, encerra o evento um Concerto de Ano Novo, a ter lugar  na Igreja de S. Dâmaso.

Efetivamente:

 

Aqui a soma dos dias

multiplica o entusiasmo

Em operações de magias

Subtraídas ao marasmo

 

Aqui, 30 anos são vividos,

em 25 de Janeiro celebrados,

Dia a dia, vivos e divertidos,

Ativos e sempre amados

 

Aqui, na madura UNAGUI,

Universidade Autodidata

Que na 3ª. idade segui.

 

Aqui, dá-se vida à vida

Vida com vida sem data,

Vida de cabeça erguida! ...

 

Efetivamente, a UNAGUI é uma instituição de referência em Guimarães e uma escola de vida …

 

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #73