skipToMain
ASSINAR
LOJA ONLINE
SIGA-NOS
Guimarães
15 agosto 2022
tempo
18˚C
Nuvens dispersas
Min: 17
Max: 19
20,376 km/h

Santos Populares

Chef António Loureiro
Opinião \ quinta-feira, junho 24, 2021
© Direitos reservados
Esta é uma receita para quem não aprecia a tradicional sardinha assada. Pode servir com fatias de pão cortadas finamente, regadas com um fio de azeite e tostadas no forno. Vivam os Santos Populares.

Arroz de tomate tufado

Ingredientes:

100gr arroz

300gr tomate coração de boi maduro

500ml água

Parta o tomate em pedaços, leve ao lume com a água a ferver durante 5 minutos em lume brando com o tacho tapado (não use um tacho muito largo). Triture tudo e passe por um peneiro.

Cozinhe o arroz em lume brando, nesta calda com uma pitada de sal, tapado, mexendo regularmente até ficar sem água, retire e triture até obter um creme. Coloque uma camada fina com uma espátula sobre papel vegetal ou um tapete de silicone. Deixe secar no forno a 50ºC até ficar totalmente seco e quebradiço. Frite em óleo bem quente durante 3 a 5 segundos retirando imediatamente para não queimar e tempere com um pouco de sal se necessário.

                                       

Molho

Ingredientes:

2 pimentos vermelhos

3 tomates

1 cabeça de alho

10gr de amêndoa

10gr de avelã

Manjericão

Qb.vinagre

Qb.azeite

Qb.pimentão fumado

Qb.sal/Qb.pimenta

Levar os tomates, os pimentos e a cabeça de alho partida ao meio embrulhada em papel de alumínio, a assar no forno cerca de 45 minutos a 180ºC;  as avelãs e as amêndoas cerca de 7 minutos. Retirar a casca ao alho, colocar todos os ingredientes num copo e ir juntando o azeite aos poucos à medida que vai triturando, temperar e reservar.

 

Sardinhas

Ingredientes:

Sardinhas

Farinha de milho

Sal

Óleo  

Amanhar as sardinhas, temperar de sal, passar pela farinha de milho e fritar em óleo quente.

Servir com o molho e o arroz tufado.  Sirva como petisco acompanhado com um bom vinho verde.

Esta é uma receita para quem não aprecia a tradicional sardinha assada. Pode sempre simplificar e abdicar do arroz tufado, servir com fatias de pão cortadas finamente, regadas com um fio de azeite e tostadas no forno. Vivam os Santos Populares.

 

Nota: artigo de opinião originalmente publicado na edição #03 do Jornal de Guimarães em Revista, a 18 de junho de 2021

Podcast Jornal de Guimarães
Episódio mais recente: O Que Faltava #33